ADVOGADO CRIMINALISTA FOI ASSASSINADO E CARBONIZADO EM 6/11-POLÍCIA JÁ PRENDEU 3 SUSPEITOS DA MORTE EM SANTA CATARINA

Plantão Policial

Reprodução Daniela Sevieri

 
Três homens foram presos nesta quarta-feira (29) suspeitos pela morte do advogado Leonardo Ivankio Sudul, de 28 anos. Atuante na área criminal, Sudul foi encontrado morto dentro de um carro carbonizado na noite de 6 de novembro, embaixo de um viaduto da Avenida Senador Salgado Filho, no bairro Uberaba, em Curitiba.
De acordo com informações obtidas pela Banda B, os três eram clientes de Sudul. Após o crime, eles fugiram para Santa Catarina e foram detidos na cidade de Barra da Lagoa pela Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).
No início do mês, a Ordem dos Advogados do Brasil Secção Paraná chegou a divulgar nota relatando indignação com o caso. “A notícia da morte do colega causa perplexidade em toda a classe. Já falamos com o Secretário de Segurança Pública, Wagner Mesquita, e pedimos rigorosa apuração das causas da morte. As informações preliminares indicam que o colega foi brutalmente assassinado e a OAB Paraná não descansará enquanto não tiver informações concretas de tudo que envolve o caso”, afirmou o presidente da entidade, José Augusto Araújo de Noronha.
Mais informações devem ser divulgadas nesta quinta-feira (30), em coletiva de imprensa na DHPP.
Portal Banda B

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *