Filho realiza sonho da mãe, internada com câncer, e faz formatura no hospital- Veja também o vídeo de Facebook

Família

GAZETA DO POVO
Filho realiza sonho da mãe, internada com câncer, e faz formatura no hospital
Dalton e outros 20 colegas viajaram 320 quilômetros para que Stephanie pudesse vê-lo ser diplomado
A fase terminal de um câncer raro não impediu Stephanie Northcott de estar presente na formatura do Ensino Médio de seu filho, Dalton. No entanto, por causa da doença, todo um arranjo especial foi organizado pela família e amigos, a fim de que ela pudesse realizar o sonho de ver o filho receber o diploma.
Stephanie foi diagnosticada em 2015 e, na ocasião, haviam lhe dado apenas 10 meses de vida e embora tenha superado as expectativas médicas, os médicos da Baptist Memorial Hospital em Memphis, temiam que Stephanie não aguentasse até o dia 18 de maio desse ano, data para a qual estava prevista a cerimônia. Foi então que Dalton, amigos, pessoas próximas da família, funcionários da Halls High Schooll, em Knoxville, e também do hospital, se organizaram para levar a celebração até Stephanie. “Por dois anos, isso era tudo sobre o que ela falava. Ela queria chegar viva até a formatura do filho”, contou à CNN, Julie, amiga de Stephanie há 21 anos.
Ele sabe que tem poucos meses de vida, mas acaba de se casar com seu grande amor
A distância entre Memphis e Knoxville, no Tenesse, que é de 320 quilômetros, não foi um empecilho para que 20 colegas de Dalton fossem com ele até o hospital, no dia 4 de maio. A equipe médica levou então Stephanie até a capela do hospital e devidamente instalada ela viu seu filho entrar na cerimônia, junto aos amigos do time de futebol e outros colegas com becas, ao som da tradicional música “Pomp and circunstance”. “Meu bebê está se formando” disse ela emocionada.
Os formandos abraçaram Stephanie antes de receber o diploma e o filho lhe entregou balões. Ela agradeceu a todos por terem lhe dado essa oportunidade e disse ao filho: “Você pode fazer qualquer coisa que desejar. Não esqueça disso”. Dalton ainda conseguiu que a mãe se levantasse rapidamente e dançasse com ele uma música. Logo em seguida ela precisou sentar-se novamente.
Duas semanas após a formatura no hospital, Stephanie faleceu. Ela lutava contra a Síndrome chamada Lynch, que é uma condição associada a vários tipos de câncer. Internada desde o dia 25 de abril, já havia na internet uma vaquinha virtual para o pagamento das despesas com funeral. Em 2012, a mesma síndrome já havia levado uma das filhas de Stephanie, Amber, que tinha apenas 21 anos.
Julie Northcott publicou vídeos da formatura de Dalton em sua página no Facebook:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *