Cultura, Opinião

” OS NOSSOS HORIZONTES ” – Crônica de Antonio Placido ( Nico ) Vendramin

Como os pontos cardeais , Paranavaí apesar de estagnar por um bom período , no seu tempo na densidade demográfica , ficando na casa dos 80 mil habitantes , perdendo para muitas cidades paranaenses , não precisamos citar nomes , pois a lista seria longa . Pois não alterando muito o numero de habitantes , observamos que o seu espangir…

Continue Reading

Cultura, Denúncia

Mãe se revolta com filha reprovada e desabafa no Facebook; “Não sabe quem descobriu o Brasil”

Mãe diz que a filha preferiu ficar nas redes sociais ao invés de estudar e agora ficará de castigo Por Redação em 26 de dezembro, 2017 as 14h52. Post publicada pela mãe de adolescente reprovada – reprodução Uma mãe se revoltou ao saber que a filha tinha sido reprovada no 7º ano e foi desabafar no facebook. A mulher que, tudo indica…

Continue Reading

Cultura

“No Natal eu fui apresentado ao Cristo Jesus” (Publicada primeiramente pelo Blog do Rigon- Autor Gabriel Gagá)

Publicado em 6 de dezembro de 2015 às 11h15 e atualizado em 7 de dezembro de 2015 por Angelo Rigon Do Velho Gagá: Alguns anos atrás, eu perambulava pelas ruas de nossa capital, Curitiba, entre uma internação e outra, com uma caixa de jujubas nas mãos, para vendê-las e assim prover alguma melhora na qualidade de vida dos meus dias. Jamais deixei de subir a…

Continue Reading

Cultura, Gestão Pública, Opinião, Política

Com a palavra o Jornalista Eduardo Nakamura, Secretário de Comunicação Social de Paranavaí-gestão Delegado KIQ, em um transparente balanço/2017 de sua pasta!

Jornalista Eduardo Nakamura foi convidado à dar uma entrevista ao Café com Kibe, mas pensei cá com meus suspensórios ingleses…, que raios eu, uma foca – aprendiz pode querer, além da chance de aprender mais, saber de entrevistar quem sabe do ”antigo Manual do Estadão” de leitura ida e retornada”, então fiz o que manda minha certidão de nascimento…eu fico…

Continue Reading

Cultura, Opinião

Coluna do Professor Jaffer G.L. Esperidião – “O Matemático Júlio Cesar de Melo e Sousa” nosso inestimável MALBA TAHAN

A melhor leitura que se pode fazer do Grande Tahan é a que abaixo transcrevo, como que nascimento[Queluz], vida e morte do Matemático Júlio Cesar de Melo e Sousa, de ventre carioca, lançou-se ao mundo Malba Tahan; Malba Tahan, ou melhor, Júlio César de Mello e Souza (champ.pucrs.br/matema/malba_tahan.htm) A Origem Filho de professores, cujo maior patrimônio eram os nove filhos,…

Continue Reading

Cultura

Resenha e uma análise prática de HAMLET- Coluna ”Pensando Bem”-Gabriel Abbés L. Esperidião

  Resumo de Hamlet de William Shakespeare. A tragédia Hamlet é considerada por muitos a obra prima do dramaturgo William Shakespeare, e certamente figura entre suas peças mais famosas, ao lado de textos como Romeu e Julieta e Macbeth. O livro foi escrita no início do século XVII pelo dramaturgo britânico, baseada em uma lenda de fundo histórico de um jovem príncipe da Dinamarca chamado Amleth. O que diferencia…

Continue Reading

Cultura

“Perdão, Jesus”, a Crônica do Jornalista Parreiras Rodrigues, o Embaixador de Santa Isabel do Ivaí para o mundo!

PERDÃO, JESUS! Estou comemorando o Teu nascimento. Sentado a uma rica mesa coberta por finas toalhas, plena dos pratos os mais diversos e requintados. Caras bebidas jorram nas taças que se erguem continuamente em em brindes e vivas. Saúdo a todos gritando o Teu nome, nesse festejar do Teu aniversário. Alguma coisa, porém, me inquieta, me constrange. Lembro-me do Teu…

Continue Reading

Cultura, Opinião

Ary Bracarense Costa Jr, em poucas linhas falou muito bem sobre a vida de seu Amigo Flávio Antunes e da tênue distância entre a vida e a morte…Preciosa lição!

Ary Bracarense Costa Junior estava  se sentindo triste. 10 h ·  Nestes momentos em que você gostaria de fazer de tudo e já não pode fazer mais nada por um amigo, que luta como um Samurai contra uma grave enfermidade, passa um turbilhão de pensamentos na cabeça! Como a vida é rápida! Insegura! Momentânea! E, muitas vezes, ficamos presos em nossas idiotices, amarrados…

Continue Reading