O conceituado Celso Nascimento, Jornalista, via ContraPonto, apresenta; “POR QUEM CHOROU BETO RICHA?”

(por Ruth Bolognese) – A venerável advogada Isabel Mendes – com mais de 80 anos de idade ela ainda percorre presídios em nome da OAB para denunciar maus tratos – contou que o ex-governador Beto Richa chorou ao ser preso. E na quarta-feira (12), na visita que fez ao casal no Regimento de Polícia Montada em […]

Continuar

Leon Trotsky: A Revolução Traída

Fonte: “A Revolução Traída”, Global Editora, Brasil, 1980. Transcrição de: Alexandre Linares Porque Venceu Estaline? O historiador da URSS não poderá deixar de concluir que a política da burocracia dirigente foi contraditória nas grandes questões e caracterizada por uma série de zig-zagues. A explicação ou a justificação destes zig-zagues pela “mudança de circunstâncias” é visivelmente inconsistente. […]

Continuar

Em entrevista, Paul McCartney faz revelação bombástica sobre quem pôs fim aos Beatles

Por Estadão Conteúdo em 13 de setembro, 2018 as 08h14(Foto: Divulgação) Paul McCartney está de disco novo – Egypt Station foi lançado no dia 7/9 – e, mesmo com os seus 76 anos, faz todo o percurso de mídia disponível para um artista do seu calibre. Várias entrevistas pipocaram nos últimos dias, e uma delas, com o radialista […]

Continuar

“Jurisprudência do Amor” – Crônica de Arnaldo Jabor

Já parou pra pensar sobre a jurisdição do relacionamento?!? É puro processo. Todo relacionamento traz embutido um processo de conhecimento, ao qual se segue o processo de execução. A doutrina da mocidade, então, inventou as medidas cautelares e a tutela antecipada. Afinal de contas, com o “ficar”, você já obtém aquilo que conseguiria com o […]

Continuar

Dedico o Texto do Imortal Mário de Andrade há todos os Leitores e Leitoras…

…em especial à Marina Fonseca, Sônia Scarabelli, Dr. Eduardo e Dr. Marcelo, e ao Pedrão Ossian e Joana! O valioso tempo dos maduros Mário de Andrade “Contei meus anos e descobri que terei menos tempo pra viver daqui para frente do que já vivi até agora. Tenho muito mais passado do que futuro. Sinto-me como […]

Continuar